Como escolher uma corretora de valores?

Você sabe quais critérios levar em consideração na hora de escolher uma corretora de valores?

Normalmente as pessoas acabam olhando somente para as taxas e esquecem de outros fatores que também são muito importantes. As taxas, sim, são de grande importância, mas se você não tiver uma plataforma agradável e funcional, por exemplo, de nada adianta.

Os produtos não são EXATAMENTE os mesmos em todas as corretoras. A maioria delas terá o Tesouro Direto e também a possibilidade comprar produtos negociados na Bolsa de Valores, mas investimentos de Renda Fixa (CDB, LCI, LCA, etc) e alguns Fundos de Investimentos, variam de corretora para corretora. Além disso, o investimento mínimo para alguns produtos também pode ser diferente, pois algumas corretoras optam por focar mais nos investidores que possuem um volume maior de capital.

Fique de olho também no atendimento! Ele precisa ser minimamente suficiente para esclarecer as suas dúvidas e te ajudar nos momentos em que tiver alguma dificuldade na utilização das plataformas. Dá uma olhada no reclame aqui para ter uma ideia do que as pessoas estão achando do serviço. Outro ponto interessante é a parte de assessoria. Algumas empresas oferecem esse serviço, que pode ser bem útil em alguns casos. Só fique atento às taxas!

Antes de você tomar a sua decisão de qual corretora utilizar, recomendamos que abra a sua conta em várias delas, teste a plataforma, o atendimento, assessoria, verifique se a corretora está certificada no site da B3, enfim, fazendo isso você tem a garantia de que fará a melhor escolha :).

Recapitulando os pontos importantes

  1. Taxas praticadas
  2. Produtos ofertados
  3. Qualidade da plataforma
  4. Atendimento
  5. Assessoria

Ficou claro? Se tiver alguma dúvida, é só falar!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...